O que é melhor para idosos, pilates ou yoga?

São também uma ótima opção pra manter a sociabilidade e autoestima. No entanto, é preciso tomar alguns cuidados para ter uma prática de atividades físicas mais saudável.

Duas boas opções de exercícios para idosos são a yoga e o pilates. Por serem exercícios de baixo impacto são ideais para quem quer melhorar a qualidade de vida sem causar grandes desgastes ao corpo. Claro que isso depende da intensidade e variação dos exercícios, mas com a ajuda de um profissional é possível encontrar o ritmo ideal para cada tipo de pessoa.

Mas afinal, entre yoga e pilates qual é a melhor opção?

Yoga na terceira idade

A yoga é também conhecida como uma filosofia e tem como foco estabelecer uma conexão corporal e mental. Sua prática é associada ao cuidado integral do corpo. Ou seja, cada movimento tem impacto no indivíduo como um todo.

Como utiliza da meditação para trabalhar a concentração, possibilita ao idoso um controle maior de sua mente e corpo, contribuindo para seu autoconhecimento. A yoga também utiliza da respiração, o que ajuda a diminuir o stress e a ansiedade e ainda fortalece o sistema nervoso. Além disso, como trabalha a postura corporal pode ajudar a diminuir as dores na coluna, comuns na população idosa.

Existem diversas vertentes de Yoga, por isso o ideal é que o idoso opte por uma que possibilite a realização de atividades mais leves, como a Iyengar Yoga, Hatha Yoga ou Kundalini Yoga. Lembrando que também é possível fazer adaptações em algumas outras linhas da yoga.

Pilates na terceira idade

A prática de pilates tem como foco a saúde física, ainda que também ajude a relaxar a mente. Seus principais benefícios se dão em relação ao controle muscular e melhor funcionamento das articulações, o que ajuda o idoso que quer aumentar sua força e flexibilidade.

Também é uma ótima opção para manter a coordenação e a consciência corporal, especialmente na correção da má postura. Para o idoso possibilita também melhora na respiração, ajudando a diminuir problemas emocionais.

Podem ser praticados em aparelhos ou no solo e não causam grande impacto nas articulações, quando bem orientados por um profissional.

Afinal, pilates ou yoga?

Apesar de muitas semelhanças entre elas, o pilates tem como foco o bem-estar físico. Já a yoga trabalha com o equilíbrio entre corpo e mente. Diferente do pilates, a yoga utiliza apenas o próprio corpo. A respiração também é trabalhada de forma diferente nas duas modalidades.

A prática das duas atividades trazem inúmeros benefícios para a saúde mental e física dos idosos e o importante é escolher aquilo que mais se adequar a seu estilo de vida. Inclusive, é perfeitamente possível combinar as duas práticas e aproveitar o que cada uma tem de melhor.

Não esqueça que para praticar qualquer atividade física é necessária a realização de exames e o aval de um médico.

Se você gostou, não esqueça de avaliar

Avaliação: 5/5 (1 votos)
Por favor, ajude-nos a compartilhar esta página em suas redes sociais para que possamos alcançar mais pessoas que precisam de nossa ajuda nesses temas. Você só precisa clicar em um dos botões abaixo. Obrigado!

Participa, deixe seu comentário

Otros artículos

Pilates para idosos: exercicios com bola

Com o avanço da idade, é natural a perda da flexibilidade e o surgimento de algumas limitações no nosso próprio corpo. Esse fenômeno é inevitável, mas não é desculpa para deixarmos de ser ativos.

Exercicios de pilates para idosos

Faz parte do envelhecimento a perda de massa muscular e óssea, bem como a flexibilidade e a força. Mesmo que não seja fácil, este processo é natural e deve ser bem aceito.

Benefícios do pilates para idosos com osteoporose

A osteoporose é uma doença grave que atinge adultos com idade mais avançada. Ela enfraquece os ossos, deixado eles mais propensos a fraturas. Para evitar esse distúrbio, você precisa conhecer os benefícios do Pilates para idosos.